Abrir busca Fechar busca Botão de Menu
conseguir crédito

CET: o que é o custo efetivo total e para que ele serve?

Veja por que você precisa dar atenção a esse ponto quando precisar de crédito

Você já tentou simular um empréstimo ou financiamento e apareceu uma porcentagem de CET? Muitas vezes, quando buscamos crédito, só prestamos atenção na taxa de juros ou no tamanho das parcelas. E deixamos de lado o custo total, que é muito importante em qualquer pedido de crédito. Mas afinal, o que é isso e para que ele serve?

De quanto você precisa?

R$ 150 R$ 30.000

Em quantos meses quer pagar?

6 meses 48 meses

Parcela mensal aproximada

R$
Estamos considerando as taxas médias oferecidas pelos parceiros.

O que é CET?

Sabe quando você compra algum ingresso pela internet e aparece um valor a mais chamado de ‘‘taxa de conveniência’’? Isso acontece tanto para show, teatro ou cinema. E essa taxa normalmente aparece quando você vai finalizar a compra.

A taxa de conveniência nada mais é do que o valor que a empresa cobra pela prestação do serviço. Assim, na compra de um ingresso, você não deve levar em consideração só o preço do evento. É preciso somar também o valor dessa taxa.

Do mesmo jeito funciona o CET, que nada mais é do que o Custo Efetivo Total de um serviço. Ele contém todos os encargos, tributos, taxas e despesas de um empréstimo ou financiamento. Ou seja, os juros são apenas uma parte que compõe o valor da contratação de um serviço.

O CET corresponde então ao valor total da negociação.

JUROS + TAXAS + ENCARGOS + TRIBUTOS + SEGUROS

Para que ele serve?

Quando você busca crédito, é fundamental ter o máximo de clareza do que você vai pagar. Por isso, é importante olhar o CET. Ele serve para você saber quais são todos os custos envolvidos na operação.

É o CET que vai informar qual é o valor total que você vai pagar em um empréstimo ou financiamento.

Como funciona?

Todas as empresas são obrigadas a informar o CET na assinatura de um contrato. Quando comparar ofertas de empréstimo, não olhe somente a taxa de juros! Avalie com muita atenção o Custo Efetivo Total de cada proposta.

Nem sempre o empréstimo com juros menores é o mais barato ou mais vantajoso. As tarifas, encargos e seguros podem deixar o custo final maior, apesar dos juros menores.

Para saber qual empresa escolher:

Como é calculado?

O CET é a soma de taxas de juros, tributos, tarifas, gravames, IOF, registros, seguros e demais despesas do contrato. Ele é apresentado como um percentual (%) anual.

Agora que você já sabe o que o CET, fique de olho nele quando fizer uma simulação de crédito. Mesmo que uma empresa forneça juros e prazo igual a outra empresa, o Custo Efetivo Total pode variar. Use esse percentual para ter maior clareza de qual proposta é mais vantajosa para você!

Continuar lendo
Imagem do autor
"Eu sou muito memorável e humilde!" ver artigos

Não encontrou o que procurava?
Deixe abaixo sua sugestão de pauta:

Ver comentários