Abrir busca Fechar busca Botão de Menu
cpf protegido

O que é a Consulta que as empresas fazem na Serasa?

Entenda o que acontece quando seu nome é consultado

Antes de fechar negócios, as empresas podem consultar o nome do consumidor para saber mais informações sobre ele. Mas, o que é a consulta que elas fazem?

Quando você vai até uma loja para trocar o celular, por exemplo, a empresa pode consultar seu nome na Serasa Experian. O objetivo é ter mais dados sobre você para ter segurança para fazer negócio.

Por que as empresas consultam os clientes?

Entre os motivos de consultar o CPF na Serasa Experian estão:

Posso saber quais empresas me consultaram?

Sim, é possível saber quais empresas consultaram o seu nome nos últimos 30 dias. Isso ajuda o consumidor na prevenção de fraudes com o uso do seu CPF.

Como eu consigo saber quais empresas me consultaram?

Na Serasa Experian, você pode solicitar um relatório informando as empresas que realizaram consultas ao seu CPF nos últimos 30 dias de duas formas:

  1. Nos pontos de atendimento da Serasa Experian;
  2. Por carta para o seguinte endereço

Av. Dr. Heitor Jose Reali nº 360, Jardim Nova São Carlos
CEP 13571-385 – São Carlos
A/C Gestão de Requerimentos Administrativos

Após o recebimento da carta, a Serasa Experian processará o seu pedido e emitirá o relatório em até 10 dias. Após esse período, você receberá uma carta com as informações solicitadas.

O relatório mostra as consultas em outros bancos de dados de crédito?

Não, o relatório da Serasa Experian mostra apenas as consultas realizadas por empresas nos cadastros da Serasa Experian. Consultas feiras no SPC ou em outras empresas de banco de dados não aparecem neste relatório.

Além do relatório, você pode assinar o Serasa Antifraude e ser notificado por e-mail e SMS sempre que uma empresa consultar o seu nome na Serasa Experian.

Monitore o seu CPF

Continuar lendo
Imagem do autor
Editora do Serasa Ensina e apaixonada por Educação Financeira ver artigos

Não encontrou o que procurava?
Deixe abaixo sua sugestão de pauta:

Ver comentários