Empréstimo para negativado autônomo

Precisa simular alguma oferta de crédito online? Faça agora mesmo.

De quanto você precisa?

R$ 150 R$ 30.000

Em quantos meses quer pagar?

6 meses 48 meses

Parcela mensal aproximada

R$
Estamos considerando as taxas médias oferecidas pelos parceiros.

O que é o empréstimo para autônomo negativado online?

O empréstimo pessoal para autônomos negativados é uma boa saída para quem não trabalha com carteira assinada, tem algum tipo de restrição no nome e ainda assim precisa de crédito no mercado para colocar as contas em dia, com taxas de juros que caibam no bolso e sem burocracia.


Porém, conseguir um empréstimo online para autônomos com restrição ou dívida no nome pode ser um pouco mais complicado que um empréstimo pessoal convencional, principalmente quando o assunto são juros baixos.


Preparamos um conteúdo exclusivo para ajudar você a conseguir a melhor oferta de empréstimo para negativado autônomo pela internet.




Por que solicitar um empréstimo para autônomo negativado?



Dicas para conseguir um empréstimo para autônomo negativado

Saiba também os cuidados na hora de solicitar pela internet.



Como conseguir um empréstimo para autônomo negativado?

Você compara grátis e solicita online o seu empréstimo em poucos minutos.

  1. 01 Acesse grátis o Serasa eCred
  2. 02 Responda às perguntas iniciais do tipo de empréstimo que você precisa.
  3. 03 Veja as ofertas que existem para o seu perfil (CET, taxa de juros e valor da parcela).
  4. 04 Cadastre-se no Serasa eCred e preencha mais algumas informações.
  5. 05 Você precisará ainda enviar seus documentos diretamente para o parceiro do Serasa eCred pela plataforma online.
  6. 06 Seu pedido será avaliado pela empresa que você solicitou o empréstimo para autônomo negativado conforme as políticas de crédito para aprovar ou não o pedido.
  7. 07 Pronto! Em breve você irá receber a resposta do seu pedido!

Quais os benefícios do empréstimo para autônomo negativado pelo Serasa eCred?

No Serasa eCred você encontra diversas empresas como bancos, financeiras e fintechs com várias ofertas de crédito pessoal para autônomo negativados online feitas de acordo com o seu perfil.


Aí fica mais fácil comparar e solicitar online a melhor oferta para o seu bolso. Compare taxas de juros, valores de parcela, C.E.T (Custo Efetivo Total) e muito mais.


O uso do Serasa eCred é gratuito para o consumidor. Ou seja, você pode buscar e comparar as opções de empréstimo online sempre que quiser, sem precisar pagar nada por isso. Queremos que você encontre a melhor oferta, com a menor taxa de juros, de um jeito fácil, prático e sem burocracia.



Quais são as dificuldades?

Negativados

Pedir e solicitar crédito é uma relação de confiança entre você e uma empresa (credora). E, para isso, as empresas precisam conhecer muito bem a pessoa para quem irão disponibilizar crédito.


A grande maioria das empresas, bancos, financeiras e fintechs que oferecem empréstimos pessoais (seja online ou não) para pessoas físicas consultam algumas empresas, como o Serasa, na hora de decisão da liberação do crédito para o consumidor.


Ter dívidas, protestos ou outros tipos de restrições no nome podem comprometer a sua pontuação de crédito (Serasa Score), o que pode impactar na avaliação da empresa credora, já que a mesma não terá a confiança necessária para fornecer crédito, ou irá cobrar taxas de juros abusivas para liberar crédito.

No Serasa eCred, você encontra várias empresas com ofertas para negativados, que estão prontas para ajudar quem precisa sair dessa situação.

Autônomos

Ao pedir um empréstimo pessoal (ou outros tipos de crédito, como financiamentos, por exemplo), você assina um compromisso com a empresa credora de que irá retornar a ela o dinheiro emprestado a você, além dos juros e tarifas, é claro.


Porém, para emprestar o dinheiro a você, a empresa precisa ter plena certeza de que está liberando crédito a alguém confiável e que de fato irá arcar com os compromissos financeiros que tem.


Consultar o Serasa Score de quem está pedindo crédito é uma das várias formas que essas empresas credoras utilizam para verificar a confiabilidade do consumidor.


Outra forma muito utilizada pelas empresas é a comprovação de renda, feita através da apresentação de documentos como holerites e folhas de pagamento. Mas, no caso do trabalhador autônomo, tais documentos não existem, uma vez que não existe nenhum vínculo com qualquer empresa empregadora.


E por mais que existam outras formas de comprovar renda (como extratos bancários, por exemplo), algumas empresas credoras, como bancos e fintechs, não aceitam tais documentos como comprovantes de renda.


E é por isso que o Serasa eCred veio para facilitar a tomada de crédito do trabalhador autônomo, seja ele negativado ou não.



Perguntas frequentes sobre empréstimo para autônomo negativado

Tire suas dúvidas sobre esse tipo de crédito para negativado autônomo.

Para aprovar esse tipo de empréstimo pessoal, algumas empresas costumam solicitar alguns comprovantes:


  • Documento oficial com foto. Exemplos: RG, carteira do órgão (OAB, CRM, etc.), CNH (Carteira Nacional de Habilitação), passaporte e carteira de trabalho;
  • CPF;
  • Renda: Holerite, Contracheque, Extrato bancário, Carteira de trabalho, Declaração do imposto de renda
  • Residência: Contas água, luz, telefone (celular ou fixo), Contrato de aluguel com firma reconhecida em cartório, Demonstrativos enviados pelo INSS, por exemplo, fatura de cartão de crédito, Extrato do FGTS enviado pelo Caixa Econômica Federal, Carnê de cobrança de IPTU ou IPVA, Boleto de cobrança de plano de saúde, condomínio, financiamento imobiliário ou mensalidade escolar.

Atenção: apresentar todos esses documentos não garante que o seu pedido de empréstimo para autônomo negativado seja aprovado. Cada empresa tem suas próprias políticas para liberar, ou não, uma solicitação de crédito para autônomo negativado.

Caso seu pedido de empréstimo para negativado autônomo seja negado, acesse o Serasa eCred e faça uma nova simulação. Quem sabe não tem uma melhor oferta esperando por você?

Para escolher a melhor oferta de crédito para autônomo negativado, é necessário ficar de olho em algumas coisinhas além da famosa taxa de juros:


  • C.E.T (Custo Efetivo Total) – Ele mostra para você todas as taxas de juros, tarifas e encargos que estão inclusos no seu pedido de crédito para autônomo negativado. Quanto menor for o C.E.T., menos você paga no final do seu empréstimo para autônomo negativado.
  • Valor da parcela – É muito importante analisar o valor da parcela do seu empréstimo para autônomo negativado antes de solicitá-lo. Lembre-se: você terá que arcar com essa parcela todo o mês. Não vale se endividar por causa disso, hein?
  • Taxa de Juros – Sim, por mais que o C.E.T. inclua a taxa de juros, vale a pena dar uma olhadinha nela também. Por que não?

Cada empresa pode cobrar a quantidade de juros e os encargos que quiser na hora de aprovar um empréstimo para autônomo negativado. Por isso, por mais que o C.E.T. inclua tudo o que será cobrado, é importante que você conheça um por um:


  • Taxa de Juros;
  • IOF (Imposto sobre Operações Financeiras)
  • Impostos;
  • Seguros;
  • Tarifas de cadastro.

Cada empresa possui suas próprias regras e políticas internas na hora de conceder ou negar um pedido de empréstimo para autônomo negativado.

Para esse tipo de empréstimo, em especial, várias informações podem ser levadas em consideração e o seu Serasa Score pode ser uma delas.

Lembrando que sua pontuação é apenas um dos vários dados que podem ser estudados para que o seu pedido de empréstimo para autônomo negativado seja aprovado, ok? A decisão é de inteira responsabilidade da empresa que está oferecendo o crédito pessoal.